Escola Mirim leva educação para o trânsito ao Largo do Rosário, dentro no Maio Amarelo

Secretaria de Transportes

15 de maio de 2018
Acessibilidade

A Escola Mirim de Trânsito iniciou nesta terça-feira (15/05) uma série de atividades no Largo do Rosário, no Centro. Até esta quinta-feira (17/05), das 10 às 15 horas, serão realizadas atividades de educação para o trânsito voltadas a crianças. A ação faz parte da programação do movimento Maio Amarelo em Mogi das Cruzes.

Durante as atividades, as crianças recebem orientações teóricas e práticas sobre comportamento seguro no trânsito. Para isso, os participantes utilizam bicicletas e percorrem um circuito com sinalização de trânsito e equipamentos como semáforo. A participação na ação da Escola Mirim é gratuita e não é necessária inscrição.

“As atividades com crianças são importantes porque serão elas quem farão o trânsito no futuro. Além disso, aprendendo sobre o que pode ser feito, eles também passam a ter um comportamento mais seguro nas ruas e avenidas e multiplicam estes ensinamentos para as famílias”, disse o secretário municipal de Transportes, José Luiz Freire de Almeida.

No primeiro dia no Largo do Rosário, 109 crianças participaram da Escola Mirim.

Além das atividades no Largo do Rosário, a Escola Mirim de Trânsito também participa das edições do programa Bairro Feliz. Desde o ano passado, em todas as edições da iniciativa, mais de 6 mil crianças já foram atendidas em todas as regiões da cidade.

A programação do Maio Amarelo nesta terça-feira também contou com uma ação de conscientização na faixa de pedestre. A atividade aconteceu nos cruzamentos da avenida Francisco Ferreira Lopes com a rua Schwartzmann, em Braz Cubas, e das avenidas Lourenço de Souza Franco e Presidente Altino Arantes, em Jundiapeba.

O secretário lembrou ainda que Mogi das Cruzes faz parte do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, do Governo do Estado. Entre os objetivos da medida está a diminuição no número de mortes no trânsito nos próximos anos.

“Nossa principal preocupação é o pedestre. Muitas vezes, as pessoas se preocupam muito com os veículos, com a fluidez, e esquecem da segurança do pedestre. A prioridade é o pedestre”, disse.

Entre as medidas que já foram adotadas estão a implantação de tempo para travessia de pedestres nos cruzamentos das ruas Doutor Ricardo Vilela e Doutor Deodato Wertheimer, da avenida Francisco Ferreira Lopes com a rua Schwartzmann e da avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco com as ruas Braz Cubas e Princesa Isabel de Bragança. Além disso, a avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco ganhou um semáforo e uma faixa para travessia de pedestres no encontro com a rua Santana, enquanto um semáforo para pedestres foi instalado na rua Professor Álvaro Pavan, em frente a Estação Estudantes. (Luiz Maritan)