Juliano Abe recebe representantes do Grupo Valid e discute melhorias para emissão de RG no Bairro Feliz

Secretaria de Gabinete

18 de agosto de 2017
Acessibilidade

O prefeito em exercício Juliano Abe recebeu, na tarde desta quinta-feira (17/08), representantes do Grupo Valid, empresa com atuação internacional em tecnologia de informação e certificação digital. Durante o encontro, realizado no Gabinete, foram discutidas melhorias para o serviço de emissão de carteiras de identidade que é realizado no programa Bairro Feliz, inclusive com a possibilidade de introdução de um sistema que não dependa de internet para ser operacionalizado.

A empresa atua junto à Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo na operação do Sistema de Identificação Automatizada de Impressões Digitais. A sugestão apresentada durante a reunião é para que seja desenvolvido um sistema offline para a emissão das carteiras de identidade, que permitiria a elaboração do documento e a posterior alimentação do banco de dados da Prodesp.

“Temos um projeto de 14 anos, que veio se desenvolvendo, agregando benefícios à população e se tornando um grande espaço para a prestação de serviço para os moradores, nos bairros de Mogi das Cruzes. A emissão da primeira via da carteira de identidade é um serviço que foi incorporado neste ano e que tem uma aceitação muito positiva, com um número significativo de beneficiados. Estamos propondo o desenvolvimento de um projeto-piloto, que traria mais benefícios aos mogianos”, explicou Juliano Abe.

Em dez edições do projeto Bairro Feliz neste ano, foram emitidas 454 carteiras de identidade, dentro de uma parceria entre a Prefeitura e a Polícia Civil de Mogi das Cruzes. A emissão é da primeira via do documento, para menores de 18 anos.

“Com esse novo sistema, além de evitar problemas causados, por exemplo, por oscilação do sistema de internet, é possível planejar uma ampliação na abrangência do serviço, atendendo mais pessoas”, disse o prefeito em exercício que iniciou, enquanto vereador, as ações para viabilizar a oferta dos serviços nas edições da então Rua Feliz, transformada em Bairro Feliz na atual gestão.

A expectativa de Juliano é que o cogitado projeto-piloto a ser desenvolvido pela Valid em Mogi possibilite, numa segunda etapa, não apenas a emissão do primeiro RG, mas também a atualização de carteiras de identidade pelo Afis (Automated Fingerprint Identification System), o Sistema de Identificação Automatizada de Impressões Digitais. Isso tudo, de modo off-line, com coleta digital de dados para sequencial validação.

Dessa forma, explicou o prefeito, as impressões digitais coletadas seriam automaticamente inseridas no banco de dados do governo paulista, o que representa agilidade e eficiência nas diligências futuras, bem como economicidade, haja vista dispensar nova emissão para substituir o documento atual.

Também participaram da reunião, representantes do Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt (IIRGD), órgão da Polícia Civil responsável pelo trabalho de identificação pessoal.

Polo Digital

O prefeito em exercício também discutiu com os representantes da Valid uma participação da empresa no projeto Polo Digital, desenvolvido pela Prefeitura de Mogi das Cruzes e que busca desenvolver na cidade a inovação, com a criação de startups e desenvolvimento de novas tecnologias.

“Esta é uma política de Estado dentro da Prefeitura de Mogi das Cruzes. Com o Polo Digital, a ideia, dentro deste momento que o país vive, é usar a criatividade para criar novas oportunidades, melhorar a qualidade dos serviços e inserir a cidade neste mercado de tecnologia”, disse Juliano Abe, lembrando que a cidade vem desenvolvendo, desde a virada do século, uma série de ações para o desenvolvimento econômico.

O coordenador do Polo Digital de Mogi das Cruzes, Rodrigo Garzi, apresentou aos representantes da empresa um detalhamento do trabalho que vem sendo realizado pela Prefeitura e as possibilidades do setor na cidade.

Participaram da reunião, o gerente de operações da Valid, Alcides Cardoso dos Santos Neto, o gerente comercial da empresa, Carlos Eiji Okada, o executivo de contas, Cedric Monroe Pereira, e o supervisor de operações, Domingos Sávio da Silva, além da representante do IIRGD, Amábile de Castro Pauletto. (Luiz Maritan)