Jogadores do Mogi das Cruzes/Helbor doam uniformes ao Fundo Social de Solidariedade

Fundo Social de Solidariedade

07 de dezembro de 2018
Acessibilidade

O prefeito Marcus Melo e a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes, Karin Melo, participaram, na noite desta quinta-feira (06/12), de uma ação social, realizada em parceria com o Mogi das Cruzes/Helbor, o time de basquete da cidade. Durante as campanhas Outubro Rosa e Novembro Azul, os jogadores utilizaram uniformes alusivos às campanhas de conscientização e ontem as peças foram doadas ao Fundo Social, que as destinou para entidades especializadas no atendimento a pacientes com câncer da cidade.

Foram beneficiados o Cecan (Centro de Convivência e Apoio ao Paciente com Câncer), o GAPC (Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer), a Rede Feminina de Combate ao Câncer Guiomar Pinheiro Franco e a entidade Laços de Amizade. As camisetas, que foram entregues autografadas, serão utilizadas pelas entidades para a arrecadação de recursos.

“Hoje é uma noite de agradecimento, em especial ao time de basquete da cidade, que se engajou nas campanhas de prevenção ao câncer e agora completa a ação, com a doação dos uniformes. É uma honra poder fazer parte disso e um grande orgulho ter uma equipe esportiva comprometida e consciente como essa”, destacou a presidente do Fundo Social, Karin Melo.

Cada entidade recebeu quatro camisetas, sendo quatro de cor rosa e quatro azuis. Agora, as entidades vão se unir e debater qual a melhor maneira de comercializar as peças, seja por meio de rifa, leilão ou sorteio. A ideia é agir de forma integrada, para fortalecer ainda mais a ação social.

“Esta é uma ação muito importante para nós, tanto no aspecto pecuniário quanto no de conscientização. Sabemos que a única arma contra o câncer é a prevenção e ações como essa contribuem muito para fortalecer a mensagem da consientização”, destacou Maria Patrícia Alabarce, presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer.

A assistente social do GAPC, Solange Nagy, também destacou a grande ajuda que a ação vai proporcionar ao grupo. “O GAPC vive apenas de doações e fornecemos todo tipo de item aos pacientes, desde leite, suplemento, cesta básica, medicamentos, fraldas, curativos, então qualquer ajuda é sempre muito bem-vinda”, pontuou.

Andréia Melo de Faria, gerente do Cecan, falou sobre o significado da ação. “Ter um time de basquete reconhecido nacionalmente apoiando as causas do Outubro Rosa e Novembro Azul é algo maravilhoso, pois isso nos ajuda na nossa grande missão, que é disseminar o hábito da prevenção e derrubar essa barreira de falar sobre o câncer. Não é fácil nem atrativo falar sobre o câncer, mas precisamos mudar isso”, destacou.

Francesca Valentim, fundadora da entidade Laços de Amizade, agradeceu pela iniciativa e reforçou sua relevância. “Atendemos 130 pacientes com diversos itens, desde cesta básica, leite, suplemento e também perucas, lenços. Ter um time de basquete reconhecido como o de Mogi apoiando a nossa causa é muito importante e contribui para que tenhamos uma cidade cada vez mais solidária”, frisou.

Além da doação dos uniformes, o time de basquete também fez uma campanha de arrecadação de alimentos, que serão entregues neste sábado (08/12) ao Fundo Social de Solidariedade. (Lívia de Sá)