Dia D da Campanha de Vacinação contra o Sarampo acontece neste sábado

Secretaria de Saúde

21 de agosto de 2020
Acessibilidade

A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo realiza o “Dia D” neste sábado (22/08) para facilitar o aesso e incentivar a vacinação do público-alvo, que são adultos de 30 a 49 anos. Em Mogi das Cruzes, a dose estará disponível das 8 às 17 horas em 16 unidades: Alto Ipiranga, Jundiapeba, Jardim Universo, Quatinga, Jardim Aeroporto II, Jardim Aeroporto III, Taboão/Lambari, Jardim Layr, Jardim Margarida, Jardim Piatã, Jardim 9 de Julho, Jardim Novo Horizonte, Conjunto Toyama, Jardim Planalto, Chácara Guanabara e Cocuera. 

A ação faz parte da estratégia nacional para a segunda etapa da Campanha Nacional de Sarampo, direcionada para o público de 6 meses a 49 anos de idade. Para quem tem entre 30 e 49 anos, a campanha é indiscriminada, ou seja, todos devem tomar uma dose da vacina, independente de vacinações anteriores. Quem tem entre 6 meses e 29 anos deve comparecer munido de caderneta de vacinação para checagem e, se for o caso, os profissionais farão a atualização. Não devem ser vacinados bebês menores de seis meses, mulheres grávidas ou com suspeita de gravidez, pessoas com doenças ou em tratamento que causem imunossupressão. Mulheres vacinadas devem prevenir gravidez por de 30 dias. 

O sarampo é uma doença viral aguda, infectocontagiosa, altamente transmissível e que pode apresentar complicações, principalmente em crianças e pessoas com imunidade comprometida. O contágio acontece por meio de secreções respiratórias e os indivíduos expostos podem adquirir a infecção através de gotículas veiculadas por tosse ou espirro, por via aérea. 

Os sintomas que antecedem a doença têm geralmente duração de três a cinco dias e caracterizam-se por febre, mal-estar, coriza, conjuntivite, tosse e falta de apetite. Manchas vermelhas na pele iniciam-se na região atrás da orelha, espalhando-se para a face, pescoço, membros superiores, tronco e membros inferiores. A febre persiste com o aparecimento das manchas. O diagnóstico é clínico (feito pelo médico) e deve ser confirmado por exames de sangue.
Além do Dia D, a vacinação também está disponível de segunda a sexta-feira, das 8 às 16h30, em todos os postos de saúde e unidades do Programa Saúde da Família até o dia 31 de agosto. É importante comparecer munido da caderneta de vacinação e documento pessoal.