Central do Cadastro Único da Assistência Social inicia atendimento à população

Secretaria de Assistência Social

18 de outubro de 2019
Acessibilidade

O prefeito Marcus Melo inaugurou, nesta manhã de sexta-feira (18/10), a Central de Atendimento do Cadastro Único, unidade que será responsável pela manutenção e fiscalização de diversos programas sociais que utilizam como base cadastral o CadÚnico do Governo Federal, como Bolsa Família e Renda Cidadã. O novo serviço funciona na sede da Secretaria Municipal de Assistência Social, que fica na rua Francisco Franco, 133, no Centro.

A implantação de uma Central do CadÚnico é resultado de um estudo técnico elaborado pela equipe da Assistência Social. “Quando uma ideia vem de dentro, como aconteceu aqui, por iniciativa dos próprios servidores, é sempre muito benvinda e demonstra o interesse da equipe pela melhoria contínua. O Cadastro Único tem importância fundamental de acolher as pessoas e oferecer o apoio ou encaminhamento necessário dependendo de cada situação ou momento da vida”, afirmou.

A secretaria municipal de Assistência Social, Neusa Marialva, explicou que o objetivo do novo espaço é oferecer facilidade de acesso para atendimento à população e desafogar os serviços dos CRAS que até então atendiam a todas as demandas do CadÚnico. “O espaço foi totalmente adaptado para o novo serviço e agora os usuários contam com uma Central com facilidade de acesso, próxima ao terminal e da região financeira de nossa cidade”, comentou.

A coordenadora da Central do CadÚnico, Camilla Taceli, explicou os detalhes do atendimento que será prestado na nova unidade. Lá, os munícipes já inscritos podem realizar serviços de Atualização, Recadastramento e Averiguação. A Atualização é realizada sempre que houver alteração em algum dado cadastral como mudança de endereço; nascimento ou óbito; entrada ou transferência de escola; e alteração da renda familiar. O Recadastramento é obrigatório a cada dois anos, mesmo sem qualquer alteração, e a Averiguação é realizada nos casos identificados pelo Ministério da Cidadania.

Apesar da implantação da nova Central do CadÚnico, a porta de entrada para os programas sociais continuará sendo as sete unidades CRAS – Centro de Referência da Assistência Social: Centro, Cezar de Souza, Jundiapeba I, Jundiapeba II, Jardim Layr, Vila Brasileira e Vila Nova União.